Compartilhe o
nosso conteúdo
Dê a sua opinião

Mobilidade

Aplicativos vieram para ficar

23 de Janeiro de 2020 Gilson Aguiar
Aplicativos de mobilidade vieram para ficar, mas levam divisas da cidade. O gerente de Aplicativo e especialista em Marketing, André Oliveira Mendes, fala da importância dos aplicativos para civilizar e democratizar a mobilidade urbana. Contudo, Mendes lembra que há um grande número de empresas que atuam no setor. As que são de capital estrangeiro levam mais de R$ 3,6 milhões por mês em divisas, afirma ele. Com serviços de qualidade e valor competitivo, os aplicativos locais podem ser uma saída para garantir a manutenção destes recursos na economia local.

Os aplicativos se tornaram uma alternativa para pessoas que estão desempregadas ou buscam uma complementação da renda. O crescimento da mobilidade com compartilhamento é fundamental para o bolso das pessoas, deslocamento com custo menor e comodidade. Vender o carro e usar aplicativo tem sido uma alternativa em tempos de crise. Porém, também é um ato de responsabilidade em relação a convivência urbana. Reduzindo os riscos no trânsito.

Ouça a entrevista com o gerente de um aplicativo que atua em Maringá e região:
seta-top